sábado, 18 de janeiro de 2020

Déficit recua, mas Ceará ainda precisa de 200 leitos de UTI

Em pouco mais de uma semana, a vida da pensionista Maria Lucimar dos Santos Costa, 65, poderia ter tido rumos trágicos para a família. Isso porque esse foi o exato período em que o filho, após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), teve que esperar por um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), na rede pública de saúde do Ceará.

Com atuais 722 leitos de UTI conveniados ao Sistema Único de Saúde (SUS), segundo dados da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), o Ceará reduziu um déficit que até 2017 era de 300 unidades. A insuficiência recuou cerca de 33%, mas atualmente, o déficit na oferta ainda preocupa, especialmente para quem precisa de assistência. Segundo aponta o titular da Pasta, Dr. Cabeto, essa redução se deve, em parte, à diminuição do número de dias de permanência dos pacientes na rede hospitalar, em razão de uma melhor eficiência no sistema. "Hoje, com métodos modernos de administração, com outras metodologias, com planejamento da unidade de cuidados especiais e intermediários, nós acreditamos que isso deve dá em torno de 200 leitos de demanda extra no sistema, que vai ser suprido plenamente com as iniciativas do Estado", afirma o gestor.

O secretário se refere à liberação de recursos para a construção de, pelo menos, 200 novos leitos distribuídos em 20 hospitais polos no interior do Estado, em cidades como Iguatu, Crateús, Tauá, Itapipoca e Tianguá. Cada unidade receberá 10 leitos. A expectativa é que estejam prontos para uso em até três anos.

Outros 32 leitos de UTI para adultos e 20 infantis devem ficar prontos, até junho deste ano, segundo Dr. Cabeto, no Hospital Regional do Vale do Jaguaribe, em Limoeiro do Norte. Já em Fortaleza, acrescenta, segue em execução a construção de 40 leitos no Hospital Universitário Walter Cantídio e 32 leitos de UTI Neo Natal na Maternidade Escola Assis Chateaubriand. O prazo de conclusão é de até um ano.

Para o secretário da Saúde, outro reforço significativo virá com a mudança dos serviços do Hospital Geral Dr. César Cals para o novo hospital universitário da Universidade Estadual do Ceará (Uece), que garantirá à rede mais 100 leitos de UTI.

Dos 1.024 leitos de UTIs anunciados pelo Ministério da Saúde em 2019 para o Brasil, 28 foram destinados ao Ceará, atendendo a demandas do Hospital e Maternidade São Francisco de Assis, no Crato; do Instituto PRAXIS e do Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS), em Fortaleza.

O titular da Sesa explica, no entanto, que essas unidades já estavam disponíveis e em utilização no Estado, passando apenas pelo processo de habilitação. Esse procedimento assegura o recebimento de recursos federais.

"É importante a habilitação e o compartilhamento do custeio junto com a União. O Estado está ora construindo, ora colaborando, mas bancando o custeio inicial de todas essas unidades. No futuro, precisarão ser habilitados pelo Ministério porque o financiamento deve acontecer de forma tripartite", comenta.

Judicialização

O processo que garantiu ao filho da pensionista Lucimar Costa uma vaga de UTI no Hospital Geral Waldemar de Alcantara foi viabilizado pelo Núcleo de Defesa da Saúde (Nudesa) da Defensoria Pública do Estado, sendo essa uma das principais demandas recebidas pelo órgão.

Somente no ano passado, 1.202 atendimentos para abertura de processos judiciais não solucionados de forma administrativa foram registrados. O total representa um aumento de 44% em relação a 2018, quando foram protocolados 834 pedidos.

"Quando ele não conseguia falar levamos na UPA do Eusébio. Lá ele foi bem atendido, fez todos os exames e foi diagnosticado o AVC. Desde então, a família tentou conseguir uma vaga em vários hospitais e nada. Depois de mais de uma semana tentando, eu busquei a Defensoria Pública e no mesmo dia que recebi o número do processo, ele foi transferido", afirma Lucimar Costa.

Sem mencionar números, o secretário da Saúde do Estado reconhece o impacto com a demanda ainda oriunda das ações judiciais, mas enxerga no processo de regionalização da Saúde uma alternativa para que todas as demandas estejam zeradas até o fim do ano.

"As demandas judiciais ainda são grandes, mas o Estado está fazendo uma reanálise dessas demandas, nessa interiorização dos processos, o apoio aos hospitais polos", reforça. De acordo com ele, o objetivo é que grande parte dessas solicitações, como as de cirurgias eletivas, por exemplo, seja atendida a partir deste ano. Dr. Cabeto acrescenta que estão sendo formuladas também ações para outras demandas como cirurgias cardíacas, neurocirurgias e cirurgias oncológicas.

"Estamos elaborando mudanças dos perfis dos hospitais, parte já aconteceu esse ano, que é adequar esses hospitais com uma complexidade maior. Estou falando aqui de uma mudança onde nós devemos durante o ano ampliar ou iniciar serviços de oncologia nos hospitais regionais. Com isso, com serviços de oncologia e hematologia a gente consegue cumprir grande parte dessa demanda", avalia.

Veículo usado no assassinato do prefeito de Granjeiro é apreendido no Piauí


André CostaA Polícia Civil do Estado do Ceará, com apoio das Polícias Civil e Militar do Piauí, apreenderam o veículo utilizado no assassinato do prefeito de Granjeiro, João Gregório Neto, de 54 anos, morto no último mês de dezembro. Duas pessoas foram presas.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o automóvel Volkswagen Polo cinza, de placas QQW-9591, de Belo Horizonte/MG, foi localizado trafegando, na última semana, pelas vias de Teresina. Diante da informação, agentes da Polícia Civil do Ceará se deslocaram para a cidade piauiense e conseguiram localizar o carro. 

O veículo foi localizado em uma revenda de veículos, também em Teresina. Os policiais civis foram até o local e encontraram o automóvel já sem as placas originais. O dono do estabelecimento entregou aos policiais as placas que haviam sido retiradas e foi encaminhado para uma delegacia, onde foi autuado em flagrante pelo crime de receptação.

Na abordagem do outro suspeito, na residência dele, o homem disparou tiros contra às equipes policiais e fugiu em direção a um matagal. Após se entregar aos agentes, ele foi conduzido para a sede da Central de Flagrantes, no bairro Centro-Sul. Ele foi autuado por tentativa de homicídio contra os agentes de segurança pública e receptação. Consta na ficha criminal do suspeito daquele estado uma passagem por estelionato. A Polícia Civil procura a arma do suspeito, que se desfez dela quando tentou fugir.

Morto enquanto caminhava

João Gregório Neto foi morto a tiros enquanto caminhava próximo à parede do Açude Junco. A vítima foi atingida pelas costas. A polícia apurou com moradores na época do crime que um veículo foi visto se aproximando do gestor. Logo depois, foram ouvidos pelo menos três disparos. Moradores tentaram socorrer o prefeito, mas quando chegaram próximo ao local ele já estava morto.


Vicente Félix de Souza já começou a ser monitorado por tornozeileira eletrônica, nesta última terça-feira (14), após medida judicial. Foi solicitada a prisão do suspeito pela Polícia Civil, porém foi negada pela Justiça Estadual. A determinação para o uso da tornozeleira eletrônica foi feita na última sexta-feira (10) e Vicente Félix compareceu à central reguladora em Juazeiro do Norte na terça-feira (14). "Ele não estava utilizando (o equipamento) porque, de fato, a intimação só foi efetivada na sexta-feira e os prazos processuais só iniciam cumprimento no dia posterior, no caso dia útil", esclareceu o advogado de defesa, Luciano Daniel.

Para o advogado, a inocência de Vicente será comprovada nas investigações. “Sabemos que (o cliente) é plenamente inocente até porque está colaborando com a Justiça, razão pela qual estamos aqui cumprindo a medida judicial”, finalizou.

O filho de Vicente, o atual prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé (antes, vice-prefeito), também é suspeito de envolvimento no assassinado do antecessor, João Gregório.

Durante operação contra o crime, secretário da Segurança anuncia compra de armas e possível concurso

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, anunciou a compra de novas pistolas e sinalizou um possível concurso público para a área a ser realizado no primeiro semestre deste ano. A declaração foi dada ao Sistema Verdes Mares durante operação de combate a crimes realizada nesta sexta-feira (17) em Fortaleza e cidades do interior do estado. 

Segundo André Costa, o Ceará é o primeiro estado brasileiro a fazer uma licitação internacional de pistolas. Outras armas devem ser adquiridas até o fim deste ano. "Recebemos em dezembro mais de 5,5 mil novas unidades e temos encomendadas para março em torno de 3 mil, sendo essas para a Policia Militar, pois para a Polícia Civil já adquirimos 2 mil pistolas, totalizando mais de 8,5 mil novas armas do tipo, além das 3,2 mil já adquiridas para a PM", lembrou.

Outro ponto destacado pelo titular da pasta foi a possibilidade do anúncio de um concurso público pelo governo para a área ainda no primeiro semestre de 2020. "A gente está finalizando um trabalho para o governador fazer o anúncio da reestruturação salarial de todas essas carreiras da segurança pública e, definido esses novos valores de salários de cada um, a gente vai poder redimensionar as vagas para novos concursos que certamente serão realizados ainda no primeiro semestre desse ano", garantiu.

Operação

Mais de 1.800 agentes de segurança participaram de operação realizada pelas polícias civil e militar na noite desta sexta-feira (17) em Fortaleza e outras cidades do interior do Ceará, atuando em ações preventivas contra crimes.

Ainda segundo André Costa, que acompanhou parte da operação in loco, os locais escolhidos para receber a operação foram resultado de informações repassadas pela SSPDS baseadas em registros de Boletins de Ocorrência.

"Daí a importância de o cidadão sempre registrar o B.O. pois é através desses dados que entram em nossos sistemas as estatísticas, e enviamos o reforço policial para os locais onde a população mais colaborou fazendo as denúncias", enfatizou.

quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

'Senhora da morte' morre em confronto com a polícia

A traficante mexicana María Guadalupe López Esquivel, conhecida como "La Catrina" (personagem do Dia dos Mortos que é o esqueleto de uma dama da alta sociedade, a "Senhora dos Mortos"), que ostentava armas de ouro nas redes sociais, morreu na última sexta-feira (10) após um confronto com a polícia.

A criminosa tinha o apelido por causa de uma tatuagem de "La Catrina" que tinha na coxa direita. E foi essa marca que ajudou na identificação do corpo. Ela morreu enquanto era levada para o hospital após levar um tiro no pescoço durante tiroteio com policiais no estado de Michoacán, na região central do México.

Carreira no crime

López Esquivel, 21, chamava a atenção nas redes sociais por suas fotos com armas douradas, mas também era procurada pela polícia pela violência com que tratava rivais e homens das forças de segurança.

Com informações R7

Ex-marido de Solange Almeida causou saída de Riquelme de banda da cantora

O baterista Riquelme, ex-integrante da equipe de Solange Almeida, deixou de trabalhar com a cantora por uma redução de salário causado pelo ex-marido de Sol. Segundo a reportagem apurou, Leandro Andriani baixou em 30% o salário de Riquelme em relação ao que ganhava quando foi convidado para tocar na fase solo da vocalista.

O Diário do Nordeste entrou em contato com a assessoria de Riquelme, mas ele não quis falar sobre o assunto. Ainda em junho do ano passado, em entrevista à coluna Puxa o Fole, Riquelme informou que a saída da banda de Solange Almeida foi motivada por questões de relacionamento. A reportagem também procurou a assessoria de Solange Almeida, mas até a publicação desta notícia não houve resposta.
Atualmente, o baterista Riquelme segue na música. Ao sair da banda de Solange Almeida formou uma dupla de forró com a cantora Day Melo. Um EP com 18 músicas foi lançado. O primeiro show dos cantores foi em Fortaleza.

Fim do casamento
No último domingo (12), a assessoria de Sol confirmou o fim do relacionamento dela com Leandro Andriani. O casal estava juntos desde janeiro de 2017. Segundo a colunista Fábia Oliveira do jornal O Dia, Solange Almeida e o empresário Leandro Andriani acabaram o casamento porque ele estava "intrometendo-se" nos negócios da forrozeira.

Após a separação, Solange desabafou nas redes sociais: Prefiro ser feliz sozinha do que viver uma relação de aparência. Deus não quer casamento de fachada. Deus quer as pessoas felizes. Cada um tem razão para suas escolhas. Se você não entende, não julgue." 

Eles ficaram noivos três meses depois e em junho do mesmo ano se casaram no civil. Em dezembro de 2017, celebraram a união em uma festa para 500 convidados, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Com informações do Diário do Nordeste.

Ceará é um dos 11 estados brasileiros que podem passar por surto de dengue em 2020

O Ceará, todos os outros estados do Nordeste, o Rio de Janeiro e o Espírito Santo devem passar por um surto de dengue a partir do próximo mês de março, conforme alertou o Ministério da Saúde nesta quarta-feira (15). 

“A dengue é uma doença sazonal e o quadro é dinâmico e pode mudar em pouco tempo, mas, no momento, os nove estados do Nordeste e as regiões do Sudeste com grande contingente populacional pouco afetadas em 2019 estão no nosso alerta”, declarou Rodrigo Said, porta-voz do Ministério da Saúde.
O cenário também foi previsto pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), conforme informado em reunião na última segunda-feira (13). Em 2020, o estado deve vivenciar o retorno do sorotipo 2 da dengue, considerado o mais perigoso. Tal categoria da doença foi observada em dez municípios cearenses em 2019. 

Os municípios de Fortaleza, Maracanaú, Jaguaruana, Palhano, Limoeiro do Norte e Iguatu registraram os sorotipos 1 e 2, enquanto Paramoti, Boa Viagem, Jaguaretama e Jati confirmaram somente casos do sorotipo 2. 

O secretário da Saúde, Dr. Cabeto, ressalta que, em 2020, a preocupação se volta para algumas áreas específicas. Primeiro, a Região Metropolitana de Fortaleza, pela maior densidade populacional. Em seguida, o Litoral Leste, que registrou muitos casos, e o Sertão Central, por fatores culturais na guarda domiciliar de reservatórios com água. "Diante de uma realidade de abastecimento irregular, esse risco aumenta. A gente começa a estocar de forma inadequada, embora por necessidade", afirma.

Especialistas ouvidos pelo Diário do Nordeste já indicavam preocupação com o aumento dos casos de dengue tipo 2 no Estado, que, segundo eles, é o mais agressivo nas regiões Centro-Oeste e Sudeste do Brasil. A última epidemia causada por esse tipo de vírus no Ceará foi em 2008. A tendência, conforme projetam pesquisadores, é que o tipo 2 se espalhe em 2020 em especial para as regiões Nordeste e Norte.
Com informações do Diário do Nordeste.

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 27 milhões no sábado

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.224 da Mega-Sena, realizado na noite desta quarta-feira  (15), em São Paulo (SP). O prêmio acumulou.

Veja as dezenas sorteadas: 16 - 23 - 32 - 50 - 52 - 58.

A quina teve 28 apostas ganhadoras; cada uma ganhará R$ 78.328,49. Já a quadra teve 2.283 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 1.372,37.

O próximo concurso será no sábado (18). O prêmio é estimado em R$ 27 milhões.

Para apostar na Mega-Sena

A aposta custa R$ 4,50 e pode ser feita até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet.

Com informações do G1.

Matrículas das escolas municipais de Acopiara foram prorrogadas

Atenção pais ou responsáveis!
As matrículas nas Escolas da Rede Municipal poderão ser realizadas até a sexta-feira, 17 de janeiro.
Observe os documentos necessários e garanta já a vaga do seu (s) filho(a)(s).

Granja cancela Carnaval preventivamente por risco de rompimento de barragem

Barragem Lima Barreto município Granja (CE) (Foto: Divulgação / Prefeitura de Granja)
A Prefeitura de Granja, município localizado no noroeste do Ceará, optou por cancelar o Carnaval de 2020 devido ao risco do rompimento da barragem Lima Brandão, que retém as águas do rio Coreaú. Este é o segundo ano consecutivo em que a decisão é tomada.

A medida foi proferida após alerta da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) para chuvas de grande intensidade para o fim de janeiro e início de fevereiro. Com o cancelamento das festividades de Carnaval, o município deve economizar 1,2 milhão. O valor, segundo a prefeita do município, Amanda Aldigueri (PDT), será investido em medidas de prevenção de desastres e na reforma do mercado da Cidade.

Tradicionalmente, o município recebe as maiores precipitações do Estado. Até a primeira quinzena do ano já foram registrados mais de 300 milímetros de chuva, valor acima do esperado para a época. No momento, 15 de janeiro, os dois principais açudes da região, Gangorra e Anjicos, já apresentam 80% de sua capacidade hídrica preenchida, indicando, assim, que em breve devem sangrar e, com isso, elevar ainda mais o nível do rio Coreaú, intensificando o alerta com relação à barragem Lima Brandão.

A principal barragem da Cidade chegou a sangrar na última segunda-feira, 13, causando alagamentos em moradias próximas a ela. “Não faz sentido o município gastar com quatro dias de alegria correndo o risco de testemunhar tragédias no restante do ano”, comentou em nota a prefeita Amanda Aldigueri (PDT).

O cancelamento do Carnaval na cidade é uma medida preventiva que busca direcionar os recursos que seriam gastos com a festa com o objetivo de investir em obras que contenham a força das águas, além de reforçar a assistência social a fim de que os órgãos governamentais possam estar mais bem preparados para eventuais casos de famílias desabrigadas.

Dentre as ações assumidas pela prefeitura como destinatárias do valor economizado estão a recuperação de córregos, rios, riachos e drenagens, reforma de pontes, manutenção de passagens molhadas e bueiros, bem como coleta adequada de resíduos e revitalização do mercado central do município.

O ex-gestor do município Romeu Aldigueri, hoje deputado estadual pelo PDT, ao comentar a decisão mostrou apoio às medidas da atual prefeita. “É uma atitude que desagrada parte da população, assim como também os foliões, mas mostra responsabilidade sendo necessária e digna de reconhecimento”, comentou.

terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Após separação, Solange Almeida desabafa nas redes sociais: "Deus não quer casamento de fachada"

Após anunciar o fim do casamento com Leandro Andriani, Solange Almeida fez um desabafo nas redes sociais nesta segunda-feira (13). No vídeo publicado em sua conta no Instagram, a cantora fala sobre julgamentos que vem sofrendo do público.

“Não critique o sofrimento de NINGUÉM, não julgue também as suas escolhas. Cada um tem suas razões para certas escolhas, se você não entende as escolhas do seu próximo, por favor NÃO JULGUE", escreveu Solange na legenda da publicação.

A cantora ainda se mostrou chateada com declarações do público quanto ao término de seu relacionamento, comparando-o a estilos de vida de outros artistas.

“Eu me deparei com uma postagem hoje de uma pessoa que me comparou com uma artista que também já casou algumas vezes. Essa tal pessoa nunca foi exemplo para mim. Fiquei triste porque usar a dor do outro para proveito próprio é triste. Ainda mais ganhar dinheiro às custas de Deus. Que Deus é esse que essas pessoas servem?”, questionou.

E completa: "“Quem são essas pessoas para o julgar o final de minha relação? Quando eu entro em uma relação, eu entro de corpo e alma, porque acredito que vai dar certo. Vou ser condenada porque tentei ser feliz? Prefiro ser feliz sozinha do que viver uma relação de aparência. Deus não quer casamento de fachada. Deus quer as pessoas felizes. Cada um tem razão para suas escolhas. Se você não entende, não julgue."

Reformulação do Bolsa Família inclui aumento de benefício e bônus a famílias

As famílias que têm um filho pequeno também vão ganhar mais. O programa já dá um benefício para a mãe com filho recém-nascido, de zero até os seis meses, mas a ideia é estender esse benefício. Questionado, o ministro não quis antecipar os valores exatos das bonificações e vantagens às famílias em extrema pobreza, mas afirma que será um valor considerável, capaz de estimular a família a ser "protagonista" das mudanças.

O custo da medida deve ficar em torno de R$ 4,5 bilhões. Além disso, para manter o pagamento de um 13.º salário em 2020, serão necessários outros R$ 2,5 bilhões. Segundo Terra, o governo procura espaço fiscal no Orçamento para bancar as mudanças.

O assunto está sendo discutido com a equipe econômica, que tem apontado restrição à ampliação maior de recursos pela falta de espaço no Orçamento.
"Botaria R$ 20 bilhões, mas não podemos perder a responsabilidade com o ajuste fiscal. Temos de garantir que todo esse processo de sucesso na economia prossiga".
Alternativas

Uma das possíveis fontes de recursos é um aperto nas políticas de fiscalização dos próprios programas sociais. Em 2019, o governo conseguiu poupar R$ 1,4 bilhão com o combate a fraudes no pagamento do Bolsa Família.

Um pente-fino na concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC), pago a idosos e pessoas com deficiência de baixa renda, também está nos planos do governo e poderá ajudar a compensar a ampliação das despesas com o programa social. A transferência de receitas do petróleo também poderá ser outra fonte de receita para bancar a reestruturação.

Segundo Terra, o governo também quer garantir que o beneficiário mantenha o Bolsa Família, por pelo menos dois anos, depois de encontrar um novo emprego, para fazer a transição de saída do programa.

Quatro perguntas para Osmar Terra

1. De onde virá o dinheiro para a reestruturação?

Vai vir do ajuste que fizermos. A gente tira de um lugar e coloca em outro. Com um pente-fino conseguimos economizar R$ 1,4 bilhão do programa em 2019. Acho que o BPC pode dar uma economia maior e ajudar a compensar.

2. Ainda não teve pente-fino do BPC?

Não. Fizemos um recadastramento, e muita gente não foi se recadastrar. Só com o recadastramento, já tivemos uma economia perto de R$ 2 bilhões. Agora vai ter a perícia do pessoal, ver se quem se apresentou tem condições de trabalhar ou não. Isso depende do INSS.

3. O Ministério da Cidadania quer cruzar dados dos programas com o Imposto de Renda. Como será?

A maneira que a gente tem de localizar aquele funcionário que está fraudando o Bolsa Família no município é ver se ele paga ou não Imposto de Renda. Quem paga IR, não pode estar no Bolsa Família. O projeto de lei que estou discutindo com o presidente é isso.

4. Vai ter reajuste do Bolsa Família em 2020?

O Bolsa vai buscar a garantia do 13.º. O reajuste, a gente não está discutindo ainda. Mas a reformulação vai ser, na prática, um reajuste.

Carne recua 15%, mas consumidor ainda relata preços elevados


Após a disparada de preços da carne no fim de 2019, os valores da proteína tiveram redução de 15% em janeiro, de acordo com o Sindicato das Carnes (SindiCarnes). Consumidores de Fortaleza dizem, contudo, não terem sentido essa diminuição. E os estabelecimentos da Capital asseguram ter notado queda nas vendas por causa das altas consecutivas dos últimos meses, recuperando aos poucos a clientela.

O açougueiro Edson Batista trabalha em um mercadinho na Aerolândia. Lá, os cortes mais caros são contrafilé (R$ 40); alcatra (R$ 35); e patinho (R$ 26). Já os mais baratos são as carnes de segunda: acém e músculo, que ficam entre R$ 16 e R$ 20. Os preços ofertados, explica o açougueiro, já registraram patamares mais elevados, o que contribuiu para queda nas vendas.

Hoje em dia, mesmo com valores baixos, o local ainda sente os reflexos do período em que a proteína estava mais cara. "Não teve aumento nas vendas. Diminuiu muito. A gente vendia quatro peças de boi por dia, mas, hoje em dia, são duas. Não está como antes", diz Edson Batista.

A dona de casa Denise Gonçalves afirma que não percebeu redução no preço da carne nos açougues próximos ao local onde mora. Por não ter condições de comprar a proteína todos os dias, recorre a alimentos mais baratos.
"Eu acho um absurdo. Estou comendo pouca carne porque o dinheiro não dá. Tenho que comer ovo, que é mais barato. Eu comprava muito ossobuco, que era R$ 12 ou R$ 13. Agora, tá a R$ 16 ou R$ 17. Não tem escolha. Evito comer todas", diz Denise.

O presidente do SindiCarnes, Everton Silva, avalia que, apesar do abatimento do valor, o preço da proteína ainda não chegou aos patamares anteriores. Mas o baixo consumo e o período da entressafra do boi no País auxiliaram na amenização dos preços neste início de ano.
"Agora, em janeiro, é o período da safra do boi no Brasil, então a chegada de produtos e a queda do consumo são fatores que contribuem para que a carne tenha uma queda, mas não chegou aos patamares registrados no ano passado. Mas já baixou cerca de 15% em relação ao que tinha fechado o ano de 2019", comenta.
Silva ainda pontua que as carnes menos procuradas são as que irão sofrer maior redução nos preços, seguindo a lei da procura e oferta de mercado. Já em relação às vendas, ele diz que a proteína teve, nos meses de novembro e dezembro, uma queda de 15%.

Atacado

No atacado, o preço da carne recuou entre 10% e 15%, de acordo com Odálio Girão, analista de mercado da Ceasa. Já no varejo, a diminuição observada foi ainda maior. "No varejo, a queda está maior. Os donos de frigoríficos e supermercados sentiram que o consumidor se retraiu e, por isso, deixou as carnes com preços mais acessíveis", relata.
Odálio Girão ainda ressalta que, os cortes mais baratos são os mais requisitados, já que o salário dos brasileiros não acompanha o aumento exagerado do preço da carne. O presidente do SindiCarnes também salienta que o tipo de carne a ser procurado "depende do poder aquisitivo de cada consumidor".

Cortes

Segundo a análise de Odálio Girão, os cortes mais em conta são costelinha, lombo e músculos, aqueles que "a população de menor poder aquisitivo compra. Os mais sofisticados como filé, cupim, alcatra e maminha, normalmente têm preços mais elevados", conclui.

Polícia divulga identidade de médicos formados na Bolívia que atuavam ilegalmente no Ceará

Dois médicos formados na Bolívia são procurados pela Polícia Civil suspeitos de atuar como falsos médicos no Maciço de Baturité, no Ceará. Rafael de Andrade Fernandes, de 22 anos, e Lucas Ferreira Guimarães, 28, não têm revalidação do diploma para atuar no Brasil e devem responder por peculato, estelionato e falsidade ideológica. Na última sexta-fera (10), uma operação prendeu um estudante de medicina e um enfermeiro no mesmo caso.

Rafael Fernandes tem o último endereço registrado em Alto Santo e, Lucas Guimarães, em Tabuleiro de Norte. A população pode ajudar nas investigações pelo número do Disque Denúncia (85) 99921-8236

A operação "Filhos de Hipócrates" teve quatro mandados de busca e apreensão e dois de prisão cumpridos nas cidades de Alto Santo, Fortaleza, Paraipaba e Tabuleiro do Norte. A Polícia Civil passou dois meses investigando o esquema de exercício ilegal da profissão.

A apuração começou após um homem ser flagrado em um plantão médico de um hospital de Mulungu, no maciço de Baturité, em novembro de 2018. A partir daí, a Polícia descobriu o esquema.

O grupo de falsos médicos atuava em plantões na Unidade de Pronto Atendimento de Baturité entre 2017 e 2019 e hospitais da região. Eles utilizavam números de CRM (código de profissionais registrados no Conselho Regional de Medicina) copiados da internet. 

Fortaleza pode receber torneio Master e jogo das eliminatórias

Quando o Brasil foi escolhido como sede da Copa das Confederações em 2013 e Copa do Mundo 2014, o primeiro pensamento era que os principais jogos se concentrariam nos grandes centros financeiros, como São Paulo e Rio de Janeiro. Na prática, no entanto, a realidade foi diferente. Foi em Fortaleza que muitos dos principais espetáculos ocorreram.

Só a Seleção Brasileira atuou em três oportunidades, entre elas um jogo de quartas de final do Mundial. Isso sem falar em eventos como Itália x Espanha (semifinal da Copa das Confederações) e Alemanha x Gana (Copa do Mundo). Em 2015, um último contato. A Seleção enfrentaria a Venezuela pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia.

De lá para cá, o protagonismo cearense arrefeceu até retornar com tudo, na última semana, quando a Capital recebeu o jogo entre as lendas de Brasil e Itália, relembrando a memorável final do Mundial dos EUA, disputada em 1994.

O que parecia um amistoso simples, na verdade, foi uma grande oportunidade para a capital cearense demonstrar novamente a sua vocação para receber eventos esportivos de porte internacional.

Sucesso de audiência e público (18 mil pessoas em uma noite chuvosa de quinta-feira), o reencontro de lendas de 94 se tornou um bem-sucedido teste para o que pode vir pela frente. A Fifa tem aplicado com frequência uma política de destacar os grandes astros do futebol do passado. Tal valorização está sendo replicada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que tenta incluir de variadas maneiras, desde inserção na comissão técnica da seleção principal até a realização de eventos, os seus ex-atletas.

O jogo da última semana foi a execução de uma tendência seguida pelas entidades, além, de certa forma, aproximar ainda mais os antigos astros. Situação que pode culminar em mais um produto: torneio mundial de lendas, a reunir maiores astros da história recente do futebol. E a cidade cotada para receber tal evento? Justamente Fortaleza. Esta é a expectativa do presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio.

"A experiência foi excelente, com a cobertura da imprensa e a adesão do torcedor. Isso pode ter sido uma boa razão para ter a competição", disse.

O torneio de lendas, todavia, ainda está em fase embrionária. Fato é que a partida entre Brasil X Itália em Fortaleza foi observada com atenção pelos dirigentes do futebol nacional e internacional e vai gerar frutos futuros. O presidente da CBF, Rogério Caboclo, inclusive, esteve presente no evento ocorrido no Presidente Vargas.

A expectativa é que mais um jogo, agora relembrando 2002, entre lendas de Brasil e Alemanha, também aconteça para fortalecer a ideia. Não há confirmação em que cidade o evento irá ocorrer.

Segundo Carmélio, a proposta do torneio mundial de lendas será analisada pela Fifa. A expectativa é que a análise aconteça no 70º congresso anual da entidade que, neste ano, ocorre em Adis Abeba, capital da Etiópia, no mês de maio. "É um embrião. A Fifa irá analisar. Se houver, Fortaleza será a capital (sede). A Fifa deverá apreciar em assembleia", disse.

Eliminatórias

Outro ponto que pesou a favor de um possível torneio de lendas foi o grau de seriedade com que partida foi encarada pelos atletas. O jogo em Fortaleza teve ritmo, rivalidade e até cara feia em lances mais ríspidos e na anulação do gol brasileiro. Sim, tal reação foi encarada como positiva, pois mostra o comprometimento dos ex-atletas com os jogos de futebol. Não foi apenas um racha, como se diz no Ceará.

O evento foi tão curioso que reaproximou Romário da CBF, fato antes impensado tendo em vista as divergências políticas entre o senador e os dirigentes da entidade. Com o torneio, a Fifa também pode levar a cabo reaproximações importantes no espectro mundial.

O protagonismo cearense ainda pode se ampliar, mas desta vez com mais um jogo da Seleção Brasileira. Mauro Carmélio também confirmou que Fortaleza está concorrendo com outras capitais nordestinas para receber o primeiro jogo da Canarinho pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar, que será disputado contra a Bolívia, dia 26 de março deste ano.A CBF promete que critérios técnicos serão adotados para a escolha da cidade e não políticos. Nesse aspecto, Fortaleza sai na frente, tendo em vista que o Castelão tem a maior capacidade de público do Nordeste e já recebeu diversos jogos de porte internacional.

Homem é detido após matar a tiros cachorro que mordeu criança em Lavras da Mangabeira

Um homem suspeito de matar um cachorro com disparos de arma de fogo, na cidade de Lavras da Mangabeira – Área Integrada de Segurança21 (AIS 21) do Ceará, foi preso nesse sábado (11), após uma ação da Polícia Militar do Ceará (PMCE), por meio do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio). De acordo com as informações repassadas à equipe policial, o homem cometeu o crime após o animal morder o seu filho de cinco anos de idade.

Durante diligências pela região, os policiais militares foram acionados pelo dono do cachorro, que alegou que o homem entrou pelo quintal do seu imóvel e atirou contra o animal. De imediato, os policiais foram até a residência do autor, no Distrito de Iborepi. O suspeito confessou e disse que cometeu o crime, após o animal, que estava com suspeita de calazar, morder o seu filho.

A arma utilizada, um pistolete, foi apreendida. O caso foi levado à Delegacia Regional de Icó, onde o suspeito foi autuado por posse irregular de arma de fogo e por crime ambiental. Após pagamento de fiança, ele foi liberado. De acordo com a autoridade policial, o crime só configuraria estado de necessidade caso o homem tivesse matado o animal no momento que ele estivesse mordendo a criança.

Chuvas devem ser mais escassas nos próximos dias em todo o Ceará, diz Funceme

Os próximos dias devem ser de precipitações mais escassas em todo o Ceará, de acordo com a previsão da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). 

De acordo com o órgão, o principal sistema indutor de chuva no norte do Nordeste, no período de fevereiro a maio, a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) está mais afastada e a tendência é de tempo firme em praticamente todo o Estado.

Ainda segundo os meteorologistas do órgão, há a presença de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN), cujo centro está sobre o noroeste da Bahia, que acaba desfavorecendo precipitações no Ceará.

Sobe para três o número de lotes de cerveja contaminados

Novos laudos da Polícia Civil de Minas Gerais apontam a presença do dietilenoglicol em mais um lote de cervejas da marca Belorizontina, da Backer. Assim, subiu para três o total de lotes que deram resultado positivo para a substância. Uma pessoa morreu e nove seguem internadas em hospitais de BH e região metropolitana com suspeita de terem bebido a cerveja. A corporação informou ainda nesta segunda-feira, 13, que aumentou de três para quatro o número de confirmações da substância no organismo de pessoas que teriam consumido a bebida.

A Polícia Civil passou a trabalhar com 11, e não mais 10, possíveis vítimas da substância, com uma morte e 10 internações. Foi encontrado ainda, segundo a polícia, dietilenoglicol em equipamento da fábrica da Backer, em Belo Horizonte. Os testes apontaram ainda, na empresa, a existência da substância monodietilenoglicol em galão.

Os resultados de exames feitos anteriormente pela polícia já haviam dado positivo para amostras de sangue de três pessoas que teriam passado mal por causa da substância. Os testes já acusaram também a presença de dietilenoglicol para garrafas da Belorizontina consumidas por pelo menos parte dessas pessoas. Todas apresentaram problemas de ordem neurológica e insuficiência renal, sintomas condizentes com a reação à substância já verificada em outros países.

No sábado, 11, a Backer contestou os laudos divulgados até aquela data e afirmou que eram resultados preliminares. A Polícia Civil, no mesmo dia, disse que o teor dos documentos é conclusivo. O mesmo pronunciamento foi feito em relação aos resultados dos laudos divulgados nesta segunda-feira.

O advogado da cervejaria, Marcos Aurélio Souza Santos, afirmou que não vai se posicionar sobre os novos laudos, por esperar acesso ao inquérito.

Idoso com Alzheimer que desapareceu em Fortaleza é achado em Pedra Branca

O idoso Odorico Patrício Filho, que estava desaparecido desde a tarde do domingo (12), foi encontrado no fim da tarde desta segunda-feira (13), na cidade de Pedra Branca, a 260 km de Fortaleza. O homem de 69 anos havia saído da casa onde mora na Praia de Iracema dirigindo um veículo e não tinha mais retornado.

Segundo um familiar, o carro do idoso foi achado mais cedo no município do interior do estado. Odorico foi encontrado em uma região próximo ao automóvel. Ele estava bem e foi conduzido para um hospital para exames.

Desaparecimento

Um parente da família informou que o homem saiu sozinho de casa quando a esposa tomava banho. "Ele não tem costume de sair assim. Antes disso ele disse que iria em uma loja comprar uma bicicleta. Ele saiu por volta de 14h30 e não mais retornou", disse.

Populares relataram que viram o idoso no Papicu. Diante das informações, a polícia concentrou as buscas tanto na Capital como no Interior do Estado.

sábado, 11 de janeiro de 2020

Crianças procuram delegacia após vizinha tomar bola

Um grupo de meninos que jogava uma pelada na rua, em Presidente Dutra, distante 307 km de São Luís, procurou a delegacia, por volta de 16h de quinta-feira (9), após uma vizinha ficar com a bola que bateu na porta da casa dela.

O delegado César Ferro disse que as crianças o procuraram para que ele pegasse de volta a bola que foi tomada por uma mulher.

“Pediram providências da polícia para recuperar a bola, já que a vizinha tinha se apropriado indevidamente dela. Foi um fato inusitado. Nunca tinha acontecido de crianças procurarem a delegacia para resolver esse tipo de coisa”, contou.

Questionados sobre o estado da bola, os garotos afirmaram que era velha e murcha. O delegado e a equipe dele resolveram comprar uma bola para os meninos, e a pelada foi reiniciada.

“E mandei dizer à mulher para não subtrair mais a bola deles, senão seria chamada à delegacia”, afirmou o delegado. O momento de felicidade dos meninos ganhando a nova bola foi registrado com a imagem acima.

Com informações do G1.

Conselheiros tutelares tomam posse em Acopiara

Tomaram posse na manhã desta última sexta-feira, 10 de janeiro de 2020, os três novos Conselheiros Tutelares e suplentes do município. São eles: Elvira Neta, Armando Almeida e Kamilla Teixeira. As outras duas vagas dos eleitos, foram empossados por dois suplentes, Reginaldo e Aldezon.

O evento aconteceu no CRAS II, da Vila Nova, e contou com as presenças do prefeito Antônio Almeida Neto, da secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Luciane Tavares, do presidente do CONDICA, Tiago Fernandes, representante do Conselho Tutelar, Márcia Holanda, representantes do cartório, secretários municipais, vereadores, familiares dos novos conselheiros e dos suplentes e servidores.

Na ocasião, teve o juramento e a assinatura do Termo de Posse.


 
De acordo com a secretária da pasta, Luciane Tavares, a STDS trabalha com seis conselhos, em que um deles trabalha com crianças e adolescentes na garantia de direitos, e segundo ela, é um leque abrangente de situações porque se trabalha, principalmente, com pessoas que estão na linha de vulnerabilidade social.
 

Em seu discurso, o prefeito Antônio Almeida Neto destacou a importância do trabalho dos conselheiros em garantir os direitos e deveres das crianças e adolescentes e disse que vai dar o total apoio nos trabalhos que serão realizados por eles, independentemente da bandeira partidária. Em seguida, parabenizou todos os empossados.

Ceará vai receber 37 mil doses da vacina Pentavalente

A Secretaria da Saúde do Ceará informou nesta última sexta-feira (10), que o Ministério da Saúde vai enviar 37 mil doses da vacina Pentavalente para o Estado, e a previsão é de chegar até quinta-feira, (16).

Todos os estados brasileiros vão receber, a partir de quinta-feira, doses da vacina pentavalente. Ao todo, serão enviados 1,7 milhão de doses dessa vacina, que garante a proteção contra 5 doenças: difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria haemophilus influenza tipo b (responsável por infecções no nariz e garganta). 

Desde novembro do ano os moradores de Fortaleza reclamavam da falta da vacina nos postos de saúde da capital cearense.

Com informações do Cnews.

Areninha de Quixelô é inaugurada e construção de nova escola de Ensino Médio no município é autorizada

Localizado na região cearense, Quixelô foi beneficiado nesta última sexta-feira (10), com investimentos do Governo do Ceará na ordem de R$ 4,3 milhões nas áreas da educação e do esporte e lazer. Na ocasião, o município teve sua areninha inaugurada pelo governador Camilo Santana, que aproveitou o momento e assinou a ordem de serviço para a construção de uma escola de Ensino Médio na cidade.

A unidade educacional terá 12 salas de aula, biblioteca, laboratórios, sala para o grêmio estudantil e quadra poliesportiva. A estrutura atenderá até 540 estudantes nos três turnos. Já o equipamento esportivo entregue à comunidade conta com grama sintética, vestiários com banheiros, acessos pavimentados, torres de iluminação e alambrados.